Carreira Profissional (1)

Publicado em 28 setembro 2012

10 comentários

O nosso grupo empresarial gerencia hoje, direta ou indiretamente, mais de cem mil postos de trabalho. É uma amostra estatística significativa das diversas oportunidades do mercado de trabalho nacional e das características mais importantes das carreiras que se desenvolvem no seu âmbito. O contato direto com esse universo permitiu-me uma observação privilegiada de muitas questões relevantes, seja para o empregador, seja para aqueles que estão desenvolvendo as suas carreiras. Achei oportuno compartilhar algumas dessas observações com os leitores deste Blog.

Com a progressiva qualificação da força de trabalho aplicada na Construção Civil, é cada vez maior o número de carreiras ou possibilidades profissionais que exigem algum grau de formação especializada. E, para essas, o "estágio" aparece como um requisito fundamental. Assim, vou abordar essa questão em primeiro lugar.

Na realidade, o estágio serve muito bem a três propósitos principais. O primeiro deles representa a própria complementação da formação escolar ou acadêmica, já que permite que os conceitos ou questões teóricas aprendidas em sala de aula possam ser ajustados à indispensável experiência prática. Nesse particular, a tecnologia apresenta uma característica interessante: quase sempre, o simples conhecimento teórico das ferramentas e conceitos aprendidos nos bancos escolares, ainda que fundamental, não é suficiente para a sua aplicação à realidade concreta e variável das situações do dia a dia. O estágio cumpre esse importantíssimo papel e possibilita a complementação da qualificação básica dos profissionais.

O segundo propósito do "estágio", não menos importante, é permitir que o futuro profissional possa testar as variadas nuances de sua possível carreira, facilitando a escolha daquela que vai nuclear o seu desenvolvimento ao longo da vida. Muitas vezes, a diversidade de opções e a aparente semelhança das oportunidades escondem diferenças que podem dificultar ou impedir o pleno aproveitamento de aptidões e vocações. Quem faz um bom "estágio", ou mais de um, tem maiores chances de escolher melhor as áreas especificas em que pode centrar a sua futura carreira.

O terceiro propósito importante do "estágio" é possibilitar às empresas e aos futuros empregadores definitivos, um acompanhamento mais próximo das potencialidades e do desempenho esperado de cada estagiário. Isso pode fazer toda a diferença nos processos de recrutamento e seleção.

Por entender a real importância desses e de outros aspectos do "estágio", a MRV estimula fortemente essa prática e conta, atualmente, com um corpo de mais de mil estagiários, que recebem a ajuda da construtora numa aposta recíproca e conjunta de que boa parte deles se transformará em profissionais competentes, vocacionados e adequadamente habilitados.
  • COMPARTILHE:

10 comentários para "Carreira Profissional (1)"

anderson
anderson disse: 28 setembro 2012
Um bom estagio faz muita diferença na carreira profisional ,Sao informaçoes que o profisional leva consigo para o resto da vida.
anderson da costa
anderson da costa disse: 28 setembro 2012
Um bom estagio faz muita diferença na carreira profisional ,Sao informaçoes que o profisional leva consigo para o resto da vida.
Camila Carvalho
Camila Carvalho disse: 02 outubro 2012
Bom Dia Rubens! Trabalho na MRV como estagiária a um ano e meio e me sinto satisfeita em relação a todas as experiências vividas. Sinto que é um aprendizado importantíssimo para nossa vida profissional e pessoal. Esta fase é oportunidade que temos de errar e aprender com os erros para nos tornarmos profissionais coesos e pessoas melhores.
Atendimeneto MRV Engenharia
Atendimeneto MRV Engenharia disse: 04 abril 2016
Bom dia Ana Júlia! Que bom que gostou das nossas dicas. Hoje em dia é bem fácil encontrar papeis de parede, eles estão disponíveis em grandes lojas de decoração e construção e também em lojas específicas. Um abraço, Mr.V.
Inaiara Vieira
Inaiara Vieira disse: 03 outubro 2012
Rubens, bom dia!
Realmente o estágio é uma oportunidade primorosa na vida de todo profissional, pois é o momento onde vivenciamos a prática. Foi muito legal a iniciativa que o setor de Desenvolvimento Humano teve no mês de setembro, solicitando a todos os engenheiros que fizessem uma avaliação dos seus estagiários/Aux. de Engenharia, muito interessante ter este feedback, pois a busca pela melhoria é algo contínuo.
Rubens Menin
Rubens Menin disse: 18 outubro 2012
Inaiara, agradeço a leitura e o comentário sobre o post.
Caio Donadio
Caio Donadio disse: 11 maio 2013
Eu sei como um bom estágio é importante e quanto é difícil encontrar o mesmo. Moro em uma cidade do Sul da Bahia, Teixeira de Freitas e busco diariamente um estágio onde posso aprimorar o meus conhecimentos, neste local indicação voga mais que a competência. Tenho 19 anos, sou estudante de Engenharia Civil no 3º Ano e estou em busca de um "verdadeiro" estágio. Quem sabe um dia o SR. leia esse comentário e possa me dar uma boa oportunidade. Dentro desse 3 anos já tive 1 ano de experiência com vendas de material para construção e 6 meses em um escritório de arquitetura. Sou solteiro e tenho disponibilidade de mudança para qualquer localidade.
Thalison Almeida
Thalison Almeida disse: 06 setembro 2013
Olá Rubens Menin Teixeira.
Parabéns pela sua iniciativa e da MRV Engenharia, assunto em questão é muito importante, porque o estagiário de hoje será o profissional de amanha, isso tudo dependerá de seus esforços e decisões a serem tomadas em sua vida, logico com oportunidades seu caminho contribuirá e muito.
Thalison Almeida
Thalison Almeida disse: 06 setembro 2013
Olá Rubens Menin Teixeira.
Desculpe a minha pergunta, mas acho que é uma questão que muitos querem saber a resposta.
Qual seria o estagiário modelo, não só a MRV Engenharia mas também para as demais Construtoras e Incorporadoras que temos hoje no mercado? e quais são os principais requisitos a serem vistos num candidato?
Hoje em dia podemos observa que construtoras e Incorporadoras jugam os candidatos através da instituição de ensino que está cursando. Em sua opinião esse requisito é importante, é necessário ser visto na hora da contratação de um profissional?
cristiano cartonilho
cristiano cartonilho disse: 03 fevereiro 2014
Parabenizo a mrv, pelos seus esforços aqui no Rio Grande do Sul, e que este ano de 2014 não seja mais repetidos os erros passados, para que uma empresa de porte como essa se torne lider em todos os sentidos que abrange a construção cívil.

trabalho como Azulegista na empresa.
Daiane Ferreira
Daiane Ferreira disse: 12 março 2015
Bom dia Pessoas,

Irei iniciar estágio na area de Rh na Mrv. Estou muito grata a oportunidade.

Deixe uma resposta O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

O que é uma empresa sustentável?

Publicado em 23 julho 2015

5 comentários

Embora "sustentabilidade" tenha se transformado na palavra da moda – e talvez por isso mesmo –, há uma grande confusão sobre esse conceito. A maior parte das pessoas acha que uma empresa é dita sustentável quando adota parques e praças e cuida do "verde" ou, no máximo, quando ela obedece as normas ambientais ou desenvolve posturas ecologicamente corretas. Claro que respeitar o meio ambiente e cuidar dele é uma atitude importantíssima e representa um requisito mínimo para se alcançar a...
Leia mais »

O envelhecimento das nações e a previdência

Publicado em 18 junho 2014

9 comentários

A população mundial está envelhecendo rapidamente. Os especialistas em demografia calculam, agora, que o planeta não deverá ultrapassar mais o contingente populacional de 10 bilhões de habitantes e que a sua população total passará a diminuir dentro de poucas décadas. Isso ocorre, basicamente, pela diminuição generalizada da taxa de fecundidade (n° de filhos por mulher) e pelo aumento da longevidade média decorrente das melhorias alimentares e de saúde (número de anos da expectativa de vida ao...
Leia mais »

Filantropia e Legado entre Gerações

Publicado em 19 setembro 2013

1 comentários

A sociedade norte-americana é singular em sua forma de entender a educação e de tratar as instituições que se dedicam à importantíssima tarefa de preparar e formar a população daquele país. Há, entre os hábitos, costumes e regras vigentes nos EUA, pelo menos três que são emblemáticos, conforme resumirei a seguir:1) Os norte-americanos aceitam como obrigação natural dos cidadãos residentes em cada comunidade (bairro, cidade, condado, etc.) o custeio das escolas públicas de nível básico, pago na...
Leia mais »

Uma Parceria de Esperança

Publicado em 10 setembro 2013

Já mencionei diversas vezes neste blog a minha convicção de que as empresas bem-sucedidas têm responsabilidades e obrigações diante da sociedade e do ambiente que lhes proporcionaram o êxito e o sucesso. E uma parte importante desses compromissos está consubstanciada na obrigação, que cada empresa tem, de contribuir para a efetiva melhoria da qualidade de vida e da perspectiva de ascensão social ou de progresso humano das comunidades mais diretamente envolvidas com as respectivas atividades ou...
Leia mais »

Licenciamento Ambiental Desvirtuado

Publicado em 08 agosto 2013

2 comentários

Temos uma tendência natural para ir, pouco a pouco, complicando as coisas, burocratizando os processos, transformando procedimentos simples em rituais absurdamente complexos e demorados, criando empecilhos, taxas e custos extras e envolvendo equipes cada vez mais numerosas, caras e dedicadas a defender, em primeiro lugar, os seus próprios interesses corporativos e benefícios funcionais. Essa característica não é exclusiva de um setor ou de um ramo de atividade, sendo antes, uma tendência...
Leia mais »